Curso Online Desoneração da Folha

26/10/2011

Empregador poderá deduzir o salário do doméstico do IR

O valor do salário pago a empregado doméstico poderá ser abatido no Imposto de Renda. É o que propõe projeto de lei aprovado nesta quarta-feira (26) pela Comissão de Assuntos Sociais (CAS), que teve como relator o senador Casildo Maldaner (PMDB-SC). Agora, a matéria será examinada pela Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), terminativamente.


A proposta (PLS 270/11), de autoria do senador Roberto Requião (PMDB-PR), tem o objetivo de incentivar a formalização dos empregos domésticos. Assim, para conceder o benefício, o projeto altera a legislação do Imposto de Renda das Pessoas Físicas (lei 9.250/95) para determinar a dedução.

De acordo com o texto aprovado, a dedução no Imposto de Renda poderá ser feita sobre o salário de um empregado por declaração, mesmo quando feita em conjunto, até o limite de três salários mínimos por mês. Também pode ser deduzido o valor do décimo terceiro salário, dentro do mesmo limite de três mínimos, mais o adicional de férias, limitado a um terço do salário normal, no mês que for pago.

O relator da matéria, senador Casildo Maldaner (PMDB-SC), acredita que a diminuição na arrecadação do imposto de renda seja compensada pelo aumento da arrecadação previdenciária devida pelos empregadores e empregados domésticos. Ele reconhece, no entanto, que essa compensação dependerá do nível de formalização das relações trabalhistas da categoria.

“A proposição valoriza os empregados domésticos e também proporciona certo alento aos contribuintes integrantes, na sua grande maioria, da classe média, que sofrem sob a pesada tributação do Imposto de Renda”, observou Maldaner, ao ressaltar que a medida pode não ser necessária no futuro, mas no momento vai estimular a formalidade das relações trabalhistas da categoria.

Assessoria de Imprensa - Senador Casildo Maldaner
Fábio Mafra Figueiredo
fabiomf@senado.gov.br
(61) 3303-4207 - 8144-9566
Ilton Piram
ilton@senado.gov.br
(47) 8492 7324
 
--------------------
Comentário da Zê: Gente, se isso passar não vai ser ótimo, vai ser EXCELENTE!!! Vamos aguardar!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita! Entre no Novo Blog da Zê: www.zenaide.com.br